RSS

Fotos Belém Antiga

Confira as fotos de uma Belém de antigamente….

Álbum Belém 1947 e 1949

Rua 15 de Agosto, 1949 – Atual Av. Presidente Vargas.

Arcebispado de Santo Alexandre, 1949

Avenida Hotel e Reservatório Paes de Carvalho, 1949.

Bar Condor em 1949. Atual Palácio dos Bares.

Bar Condor em 1949. Praça Princesa Isabel.

Catedral da Sé, 1949.

Círio de Nazaré,1949

Procissão do Círio, 1947

Vendedor de brinquedos de miriti – Círio de 1947

Carro dos Milagres, Círio de 1949

Edifício Costa Leite – Escritório da Byington & C.ª e Hotel Suísso, 1949

Edifício da Associação Comercial do Pará, 1949.

Escola Industrial, 1949.

Mercado Municipal, 1949

Pensão Rosenthal, 1949 – Quintino Bocaiuva Nº772.

Lateral da Praça da República e Grande Hotel, 1949.

Reservatório d’água Paes de Carvalho, 1949.

Ver-o-peso, 1949

Doca do Ver-o-peso, 1949

Álbum Belém 1898

Arsenal da Marinha

Caixa D’água de São Brás em 1898

Entrada do Cemitério da Soledade – 1898

Belenenses da época

Construção da Penintenciária (local não identificado)

Estação ferroviária de Bragança

Estrada de São Matheus (Av. Padre Eutíquio)

Galeria Fidanza

Hospital de Cáritas (Atual Santa Casa de Misericórdia)

Hospital D. Luiz I ( Beneficente Portuguesa)

Basílica de Nazaré – 1898

Igreja de Santana

Igreja do Carmo

Largo da Pólvora (atual Praça da República)

Largo da Sé

Largo de São Brás

Palácio da Intendência Municipal (atual Mabe)

Praça Batista Campos -1898

Largo da Independência (atual Praça D. Pedro II)

Quiosque da Praça da República

Salão interno da Biblioteca Pública (Arquivo Público de Belém)

Theatro da Paz – 1898

Vista do Doca do ver-o-peso – 1898

Vista interna da Igreja da Sé

Fotos e postais da Belém do Pará antiga

Antigo Hotel e Café da Paz, atual Banco BASA

Armazens da Alfandega, Boulevard da República (atual Castilho França)

Avenida Nazaré com Quintino

Avenida São João- atual Av. Senador Lemos

Avenida 16 de Novembro – lateral do Palácio da Intendência (atual MABE)

Av. 16 de Novembro

Av. 16 de Novembro com João Alfredo

Av. Alcindo Cacela com Gentil Bittencourt

Avenida da República (atual Av. Pres. Vargas) com Rua da Paciência (atual Carlos Gomes)

Av. independência, atual Av. Magalhães Barata

Av. Marechal Hermes

Av. Nazaré com Serzedêlo Corrêa

Av. Nazaré, esquina com Praça da República

Av. Nazaré com Quintino Bocaiúva

Av. São Gerônimo (atual José Malcher) com Generalíssimo Deodoro

Fontes

Álbuns:

IBGE: fotos antigas de Belém do Pará.

Álbum de Belém do Pará 1902.

Fotos do álbum de 1898.

Fotos e postais da Belém do Pará antiga.

Fotos de Belém do “MDCCCXCIX Amazonia Arthur Caccavoni” (1899)

Belém do Pará: 1947 e 1949.

Belém do Pará: fotos do início da década de 1970.

Jornais, revistas e outras impressões.

Acervo digital Antônio Sales

Encontradas nos seguintes sites e blogs:

http://haroldobaleixe.blogspot.com/

http://www.biblioteca.ibge.gov.br

http://www.panoramio.com

http://arquiteturahistorica.wordpress.com

 

96 Respostas para “Fotos Belém Antiga

  1. Adil silva

    19/08/2014 at 2:18 am

    Belem tinha com certeza un charme maio na época passada

     
  2. Marco Antônio Rodrigues de Oliveira

    14/08/2014 at 9:30 am

    Estou simplesmente maravilhado.

     
  3. marco aurelio

    20/07/2014 at 2:17 pm

    Amei conheçer o passado da minha cidade maravilhosa.pois sempre tive curiosidade de saber como era a minha querida cidadede Belém do Pará nos anos em que meus pais eram jovens namoradores.estou com 40 anos e a 20 anos q venho querendo saber como era minha amada cidade de Belém do pará nos anos 50 fiquei maravilhado em saber como eram cada avenida e cada rua e local.agora mesmo que amo mais ainda a minha cidade d Belém.obrigado a todos q tiveram a ver com isso

     
  4. lez matos

    16/07/2014 at 1:47 pm

    Adorei

     
  5. carlos

    12/06/2014 at 10:50 am

    Muito bom….parabéns

     
  6. Carlos Alberto Sá Pereira

    04/05/2014 at 11:24 am

    Perfeito!!
    Fotos antigas mostram o esplendor da Cidade de Belém do Pará. Cidade das cadeiras nas portas das casas onde no início das noites famílias conversavam sobre acontecimentos diários sem medo de assaltos. Tudo com direito a café feito na hora, bolo da festa de ontem “que tu não viestes porquê?”. Vagalumes a enfeitar as noites. Absoluta falta da Televisão. Das festas Juninas nos bairros afastados.

     
  7. José Mauricio Sombra Soares

    21/03/2014 at 10:16 pm

    Adorei seu trabalho e sua preocupação com a questão da preservação do patrimônio histórico. Acho também muito importante uma atenção constante para o que ainda resta de pé e que em alguns casos estão sendo “tombados”. O claro interesse econômico em algumas residências, especialmente em virtude de sua excelente localização e tamanho da área, constituem sérios riscos a sua existência. Na minha opinião o caso mais urgente e sério é o Palacete Dr. Correa, na Av. Magalhães Barata quase em frente ao Parque da Residência. Aos poucos ele está sendo destruído pela ganância de um rico empresário, que quer sua demolição, e pela omissão de muitos. O Palacete referido só está ainda de pé em virtude de uma medida da Secult, de alguns anos atrás. Mas, as aberturas feitas em seu telhado, as infiltrações, a vegetação que toma conta do prédio ainda vão dar alegria ao tal empresário proprietário. Preservá-lo é nossa obrigação. Parabéns de novo pelo seu trabalho.

     
  8. Jocelina Moraes

    04/02/2014 at 8:02 pm

    Adorei essas fotos, da nossa antiga cidade de Belém parabéns e muito obrigada por elas.

     
  9. Dário Lima.

    13/01/2014 at 9:07 am

    Muito obrigado pelo envio de fotos,nesta manha gostosa nao teria coisa melhor

     
  10. Catarina Ferreira

    12/01/2014 at 9:11 am

    Lindo trabalho,adorei ve as fotos da antiga Belem, a impressão é que era mais limpa e mais cuidada. Parabéns

     
  11. edmilson

    10/01/2014 at 11:29 am

    parabéns eu gosto muito dessas fotos antigas de Belém

     
  12. Antonio Monteiro

    09/01/2014 at 1:23 pm

    Fico emocionado de ver estas fotos de Belém antiga, é tudo de bom, pena que parte desse acervo esta acabando por culpa das autoridades, que permite que empresas privadas destrua pouco a pouco a nossa historia.

     
  13. Dário Lima.

    02/12/2013 at 11:41 am

    Que coisa linda,que sentimento,é muito difícil descrever,e porque todos relatam a mesma coisa sentir que já passamos ou vivemos este passado ? é deveras mente emocionante maravilhoso.

     
  14. paulo cardoso

    26/11/2013 at 9:38 pm

    estou muito impresionado com essas fotos da minha Belém antiga, cirio de nazaré, o teatro da paz, o mercado de ferro do ver-o-peso, são fotos que nos leva a um passado maravilhoso.

     
  15. amanda souza

    26/11/2013 at 8:16 pm

    como belém era uma cidade muito bonita e ainda continua eu estava precisado dessas imagens valeu belém

     
    • Drio

      02/12/2013 at 3:18 pm

      Sim verdade,sempre que poder me mande mais coisas sempre bom ouvir,comentar com quem realmente conhece obrigado.

       
  16. Bonanza

    22/11/2013 at 5:24 am

    Tem gente que acha que viver em épocas passadas como no final do século XIX, era tão maravilhoso assim. No entanto, cabe lembrar, que as condições tanto ambientais como sociais não era nada fácil. Havia fezes de animais e lixo pelas ruas, além do mais o esgoto corria a céu aberto na periferia e mesmo centro (apesar que hoje ainda continua essa porcaria), muitas doenças como a cólera rondavam e matavam muita gente. Havia um clima social desfavorável era ainda a época do Império com toda sua truculência, e mesmo depois de proclamada a República, a elite cruel (até hoje) mandava com mão de ferro e havia, como sempre muita resistência, causando uma instabilidade social permanente. A coisa não era nada fácil não e o ambiente aos poucos foi se transformando para sorte dos que viriam a viver novos tempos, apesar dos pesares.

     
  17. mariza santos

    18/11/2013 at 2:57 pm

    Sinto saudades de um tempo que “não vivi?”
    Nostalgia,…. talvez por saber que meus pais por aí brincaram, conheceram-se, casaram e formaram nossa família.

     
  18. Julio César

    15/11/2013 at 3:53 am

    Belo trabalho é o caramba. O brasil era muita atrasado em imagens. Eu vejo fotos e até videos coloridos da europa dos anos 20 e até um pouco antes. As cameras technicolor sabem?
    E aqui no brasil quase nos anos 50 essas imagens em preto e branco. O brasil das colonias, o grande brasil do início do século está morto e enterrado graças ao atraso Histório brasileiro.

     
  19. Iranildo Araujo

    07/11/2013 at 5:53 pm

    Lindas fotos, Sensação de viajar nessas épocas. Parabéns!!!!!

     
  20. Arnaldo Rodrigues

    05/11/2013 at 8:12 am

    Às vezes temos a sensação de estarmos resumidos a um mundo sem valores sérios, sem apego às tradições e ao bom gosto. Mas “nem tudo está perdido”, como diz o poeta (Renato Russo), e podemos, com alguma dedicação, encontrar iniciativas que nos motivam a olhar para a frente com mais motivação. Essas fotos são um bom exemplo do que queremos expressar.

     
    • artepapaxibe

      05/11/2013 at 11:40 am

      Obrigada pelas bonitas palavras Arnaldo! Isso é o que nos motiva!

       
  21. MARA

    31/10/2013 at 12:34 pm

    NOSSA VIAJEI NO TEMPO,QUE FOTOS LINDAS,AMEI,PARABÉNS PELAS FOTOS.

     
  22. adriano sousa

    08/10/2013 at 8:59 am

    queria ter vivido naquela epoca, com paz, harmonia, familia, sem roubos, violencias, politicagem, bregas, baianadas, sertanejos e mulheres frutas.

     
  23. Maysa Fontenelle

    03/10/2013 at 8:13 pm

    Otimo!!!!! muito bom… :DDD

     
  24. F May

    03/10/2013 at 8:10 pm

    Adoooooreeeeiii as imagens muito bom conhecer Belém!!

     
  25. manuel lobato da cunha

    04/08/2013 at 7:49 am

    É Maravilhoso ver como Belém era mais LINDA, hoje está difícil preservar nossa História, as novas construções “modernas” acabam com toda essa LINDA Arquitetura, Ficamos só na saudade e lembranças com essas lindas fotos.Parabéns.

     
  26. M Lucena

    26/07/2013 at 10:05 pm

    Parabéns pela coletânea de fotos de Belém.

     
  27. Carlos Gouvêa

    19/07/2013 at 9:27 pm

    Acervo Histórico muito lindo. Belo trabalho de pesquisa feito com muito carinho sobre a cidade de Belém antiga. Gostaria de encontrar mais fotos do Grande Hotel principalmente a parte interna.

     
  28. maria

    14/07/2013 at 12:50 am

    nao pude conter minhas lagrima ao ver estas fotos. Quanta maldade , quanta destruicao fizeram com nossa cidade estas fotos deveriam ser expostas para que as pessoas,e os nossos governantes cuide melhor do nosso patrimonio.obrigado por estas fotos

     
  29. ANGELA

    21/06/2013 at 8:05 pm

    MARAVILHOSO VER BELÉM ANTIGAMENTE, PARECE QUE ERA MELHOR.

     
  30. José Jacob

    04/06/2013 at 9:03 am

    Trabalho primoroso e emocionante sobre a nossa querida Belém .

     
    • artepapaxibe

      07/06/2013 at 12:58 am

      Obrigada!

       
  31. carlos andrade

    24/05/2013 at 2:28 pm

    pena que eu não cheguei a conhecer esse tempo , mais eu adimíro muito as fotos antigas da nossa belem

     
  32. Maria Izabel Batista Libório

    04/05/2013 at 6:29 pm

    Meu Deus, que fotos lindas!!! Sou do Piaui, e gostaria de ter vivido esta época para ter desfrutado das belezas dessa cidade. Será que os paraenses conservam pelo menos um pouco dessa história? Infelizmente a minha cidade é muito nova e o pouco que tínhamos,não foi persevado, que é uma pena!!!!

     
  33. Rafael Magno Barbosa

    04/05/2013 at 2:50 pm

    Dizer o que? gostaria de ter vivenciado aquela época em que se podia caminhar tranquilamente pelas ruas de belém,pena que nossos governantes não preservam o que é parte de nossa história, pois há prédios nas fotos que hoje já não existem mais. Parabéns pelo magnifico acervo!

     
  34. Rafael Magno Barbosa

    03/05/2013 at 3:31 pm

    Dizer o que? somente lamentar por não ter vivido naquela época maravilhosa e parabrniza-lo pelo magnifico trabalho.

     
  35. ary

    19/03/2013 at 10:08 pm

    belém éra muito mas bonita que hoje, é uma pena que
    não fizemos nada para prezervala.

     
  36. Anderson Luis matos Bezerra

    13/01/2013 at 11:41 pm

    Eu fico imaginando esse tempo,quem me dera ter vivido esse tempo.Deveria ser maravilhoso passear nas ruas de belém.Lindo demais.

     
  37. maria de nazaré cantão melo

    20/12/2012 at 3:24 pm

    fiquei encantada com a minha belém antiga,tenho certeza que vivi esta época.

     
  38. Denilson Correia Linhares

    02/12/2012 at 12:11 pm

    Muito bom poder pegar essa máquina do tempo e viajar pela nossa cidade amada!
    Lembrar de nossas raízes, e dar mais valor no que é nosso!

     
  39. Ana Maria Gonçalves Fernandes

    29/11/2012 at 2:33 pm

    Ana Maria Fernandes,bragantina,paraense e orgulhosa de ver Belém antiga,nostálgica,romântica,como minha Bragança querida,amada formada por
    pessoas que ainda dizem boa tarde senhora,boa noite senhor,sentam na porta para conversar com os visinhos ,povo hospitaleiro e pavulagem de sua
    bragantinidade.Adorei.

     
  40. ALTAIR SILVA

    22/11/2012 at 12:11 pm

    Parabéns, pelas fotografias, quadros, ícones, signos e marcas de uma época em nossa papa xibé,. Nao sou adepta do colonialismo, mas enquanto socióloga e historiadora, estudiosa de imagens e imaginários urbanos,, sinto falta sim desse patrimônio que são a representação de uma época de fausto, e ao mesmo tempo de acordo com as pesquisas de exclusão, desigualdade, mas também de uma tentativa de globalizar o mundo, mesmo antes de se utilizar os conceitos de mundialização e globalização. Querendo ou não os revolucionários da cidade ou os saudosistas como eu, trata-se de uma representação de cidade que merece e deve ser estudada por todos os alunos e professores de quaisquer áreas e /ou disciplinas. Euzinha por meu pendor pelo estudo de imagens, gostaria de ter vivido sim aquela Belém gostosa como diria De Campos Ribeiro. Seria bom sim, que nossos governantes pensassem que deviam recuperar e revitalizar esse patrimônio, mesmo que seja para mostrar uma Belém alienígena, não por acaso, uma Paris no Tropico.
    Foi um doce deleite rever esses retratos como dizíamos no passado, antes da “pos-modernidade”.

    Altair Silva-Professora da UFPA

     
    • artepapaxibe

      24/11/2012 at 9:44 am

      Obrigada pelas belas palavras professora. Só o fato de proporcionar às pessoas esta viagem ao passado, mesmo que seja um um passado não vivenciado, nos deixa muito bem tb! serve para nos lembrar que ainda temos muito a aprender com nossos patrimônios, a começar por valorizá-los.

       
  41. maria do socorro jardim

    28/10/2012 at 3:14 pm

    gostei,achei lindo

     
  42. Omar Taxista

    26/10/2012 at 5:00 pm

    muitos desses patrimônios históricos ainda estão de pé, e o que dói mais é ver que o povo e os governos municipal não fiscalizam deixando os hoje proprietários colocarem placas na frente tirando a beleza histórica. Muito obrigado

     
    • artepapaxibe

      26/10/2012 at 5:52 pm

      Por nada Omar, é nosso papel como cidadãos denunciar qualquer tipo de agressão aos nossos patrimônios!

       
  43. Vânia de Fátima Souza Nery

    23/10/2012 at 6:26 pm

    Amei tudo o que vi e li. Você está de parabéns!!!

     
    • artepapaxibe

      26/10/2012 at 5:50 pm

      Obrigada Vânia!

       
  44. edson kahwage

    18/10/2012 at 12:10 pm

    parbens pelo maravilhoso trabalho a historia em fotos da nossa cidade , sao lugares lindos , Belem era um lugar de rara beleza vai fazer 400 anos como piorou !

     
  45. Mario Almeida

    12/10/2012 at 8:47 pm

    Maravilhoso trabalho!!! Os senhores me fizeram sentir saudades de um tempo que eu não vivi. Hoje passando todos os dias pela mesma esquina, av. Nazaré c/ Quintino, sinto um misto de alegria c/ tristeza por não ter tido o privilégio de ter feito parte daquela bela época.
    Obrigado por fazerem nós os mais novos conhecermos nossa linda belém do passado.

     
  46. del

    10/10/2012 at 8:46 pm

    po vcs sao muitos frescos nao aceitam comentarios reais da cidade de belem suja e suja e suja,mas culpa e da povo mal educado q suja a minha linda cidade

     
  47. meme

    10/10/2012 at 8:42 pm

    nossa como mudou a cidade,antes tinha estilo hj tem sujeira nas ruas e quem são os responsaveis?claro o povo imundo,e esse vero peso se orgulham dessa fedentice,meu DEUS salve essa linda cidade.voltando a falar do vero-fedor por que o governo ainda não tirou essa venda de peixe da pedra,façam meu o favor não adiantar limpar 1000 vezes sempre vai feder,os barcos sujos de sangue podre de peixe lavam na beira do rio ficando um fedor pobre ensuportavel que somente os urubus conseguem aguentar.já pensou o que turistas falam de belem passando pelo vero peso sentindo esse odor.temos que cobrar do governo a desativação desse espaço que vende peixe,estamos caminhando pra 400 anos,ja imaginou chegar lá com esses mesmos problemas,ja chega de tanto atraso governantes façam me o favor trabalhem nisso

     
  48. sasa

    10/10/2012 at 8:33 pm

    belem a tempo atras foi escolhida pra ser sede da coroa portuguesa por ser a primeira cidade mas bonita do brasil estilo europeu,com tempo pessoas vindas principalmente do nordeste e outros cantos do brasil povoaram a minha amada belem do pará,aqui pra nos a cidade depois de anos ficou um caos de descontrole de saneamento,saude e habitação.Depois começou a sujeija das pessoas porcas jogando lixo no chão,ficando a cidade um chiqueiro,por que as escolas não tem uma materia de educação ambiental como prioridade, pra esse povo mal educado nunca mas sujar essa linda cidade,possa ser que fazendo isso possa mudar aqui a 30,40 anos quem sabe.

     
  49. belem mas limpa

    10/10/2012 at 8:23 pm

    antigamente as pessoas tinham mas educação,hj são um bando de mal educadas que jogam lixo nas ruas como se fosse normal sem nenhuma conciencia,bando do porcos imundos,ficam culpado o prefeito e sabem que a grande culpa são as pessoas mal educadas e sebosas que sujam belem,fico resvoltado quando vejo gente jogando lixo na rua como se fosse habito normal,porisso falam mal de belem cidade suja das mangueiras,amo belem queria que voltasse no tempo

     
  50. Clayton Matos

    29/09/2012 at 11:41 pm

    Como me encanta saber que Belém era uma cidade bem mais linda que hoje. Que pena que nossos governantes tanto antigos como atuais não se empenham em preservar, espaços, edificios, igrejas, praças e etc.
    Existem ainda vários prédios que poderiam ser restaurados em nossa belissíma cidade histórica.
    Grande trabalho parabens.

     
  51. Isaac Obeid Leon

    29/09/2012 at 2:10 am

    Essas imagens são tudo o que nos restou de um passado maravilhoso,de uma linda cidade que não existe mais. Por que não organizam uma exposição com elas?

     
  52. josuane

    28/09/2012 at 5:13 pm

    Parabéns! fico emocionada parece que vivi nessa época, mmaravilhoso trabalho,lindo adoro tudo isso.

     
  53. João Martins Neto

    27/09/2012 at 11:49 pm

    Um colunista nosso diz que Belém é “a terra do já teve”. Certíssimo. Vendo essas fotos, tenho vontade de chorar, de saudade e de raiva desses governantes de bosta, que só fazem encher os bolsos e botar no furico do povo. Pobre Belém…

     
  54. vanessa

    23/09/2012 at 8:50 pm

    belem estar de parabens por ter uma história buito rica ebonita por isso eu tenho orgulho de ser paraense

     
  55. dalva

    13/09/2012 at 1:18 am

    Adorooo, sempre fico encantada quando vejo fotos antigas, acho que vivi nessa época.

     
  56. Anselmo La Rocque santana

    31/08/2012 at 7:35 pm

    Que viagem… Pena que muitas dessas obras de arte já não existam mais, pelo descaso e a ganância do nossos governantes. Não fosse isso, Belém seria linda como Paris.

     
    • artepapaxibe

      31/08/2012 at 8:33 pm

      Infelizmente as leis do patrimônio histórico cultural só ganharam força a a partir da década de 80. Antes disso muitos prédios foram ao chão. E ainda hoje vemos este descaso em muitos edificações abandonadas, sendo literalmente ” só fachada”.

       
  57. Alacy Pena

    30/08/2012 at 7:17 pm

    Gostei muito das fotos. Ótimo trabalho. Gostaria de saber como fazer para ter essas fotos em formato
    de quadros, pois gostaria muito de poder adquirir-las. Não tenho como provar que vivi naquela época,
    mas tenho certeza que eu estava lá. Gostaria de Saber também se não existem fotos do meu querido
    bairro do Jurunas, quem sabe da Escola de Samba do Rancho Não Posso Me Amofinar. Aguardo
    respostas.

     
    • artepapaxibe

      31/08/2012 at 8:37 pm

      Olá Alacy, posso te passar as fotos que vc escolher em formato maior, não sei se dariam para ampliar muito. Me mande um e-mail dizendo as fotos que quer, com ano e envio, ok?
      Bom quanto a estes dois lugares, preciso vasculhar em meus arquivo se existe alguma imagem destes lugares. Em breve responderei. um abraço!

       
    • Go

      25/09/2012 at 7:22 pm

      Olá Alacy!
      Estou verificando onde você pode adquirir os quadros. Tudo indica que tem uma casa na Rui Barbosa. Depois lhe comunico.
      Bjs. Goreth

       
      • prof. Miguel Chuquía

        23/10/2012 at 1:17 pm

        Belém,belém,belém!Sempre será na lembrança poética das horas mais azuis a eterna Belém da minha infância e juventude dourada paraense.Oh bel´´iissima Lisboa parisiense d’amazônia.Santa Maria de Nazaré te cubra com seu manta, Oh cidade dos meus saudares!!!

         
      • artepapaxibe

        26/10/2012 at 5:47 pm

        Que lindo prof. Miguel Chuquía!

         
  58. Senhora Tobias

    30/08/2012 at 5:18 am

    Gostei muito das fotos, senti muita saudade daquele tempo, embora não ter vivido aquela época.

     
  59. Francisco Barroso

    25/08/2012 at 12:39 am

    fParabens pelas fotos, recordar eh viver. Meu nome eh francisco barroso, nasci em belem (1943), porem nao conheco a cidade, minha familia foi para o Rio morar (adeus Belem do Para). Gostaria de saber mais sobre o meu avo, que era diretor do matadouro (c. 1910), Miguel Menezes de Seabra Martins, e agradeco qualquer informacao que seja de seu conhecimento.
    Cordialmente, Chico.
    PS Minha mae Clelia Martins era muito amiga da familia Chermont.

     
    • artepapaxibe

      28/08/2012 at 8:21 pm

      Olá Francisco! como vai?
      Bem, eu mesma não tenho como te ajudar, mas talvez você consiga algum registro sobre o tempo que seu avô era diretor do matadouro (atual Curro Velho) no Centro de Memória da Amazônia. Daí você entra em contato com eles, lá todos são gente fina e tem documentos de muitas épocas. Aí vai o link: http://www.ufpa.br/cma/
      Espero ter colaborado!
      um abraço!

       
      • paulo jose viana

        24/05/2013 at 11:14 am

        Gostei muito dessas fotos,pois vivi uma parte desta época por ter nascido em Belém em 1945, e hoje me encontro em São Paulo.
        Mais tenho um grande orgulho de ser paraense.
        Um abraço a todos dessa linda terra.

         
    • liliana seabra

      27/04/2014 at 6:51 pm

      Olá Francisco, meu nome é Liliana Seabra, esse sobrenome Martins é o nome de várias ruas do bairro do MARCO, onde eu moro. Temos aqui Lauro Martins, José leal Martins, Máxima Martins e alguns desses Martins se casaram com os Acatauassú Nunes, vejo o nome deles nas escrituras dos terrenos daqui. Qual quer coisa talvez possa te ajudar o cartório dos Martins aqui de Belém. Se te interessar é só escrever para lilianaseabra@yahoo.com.br . Um grande abraço.

       
  60. gleison

    13/08/2012 at 2:20 am

    Parabéns pelo belissimo trabalho,vendo estas fotos
    faço uma linda viagem ha uma belem daquele tempo !

     
    • artepapaxibe

      15/08/2012 at 12:43 am

      Obrigada! Nossa cidade sempre será muito bela!

       
  61. Ricardo Botelho

    10/08/2012 at 4:02 pm

    Vendo estas fotos antigas da minha linda Belém do Pará
    sinto-me muito orgulhoso e pavulagem por ter certeza de minha IDENTIDADE! obrigado pelas fotos!

     
  62. hemerson

    26/07/2012 at 9:37 pm

    belém antiga é maravilhosa!!

     
  63. JOSÉ EUGENIO BRAGA FILHO

    02/07/2012 at 4:56 pm

    BELÈM,maravilhosa e nostálgica.Tenho impressão que vivi naquele tempo.

     
  64. ALLAN CLAUDIO MACEDO

    29/06/2012 at 2:33 pm

    Como era viver, nessa época, ……………………, nós dias atuais, vc trocaria o momento que vivemos hoje, para viver nos anos 40 e 50.

     
  65. Flavio Arruda

    02/06/2012 at 3:42 am

    Belíssimo trabalho, regatando imagens de uma importância vital para os paraenses, principalmente os que tiveram o privilégio de nascer nesta linda, morena e tropicalíssima Nossa Senhora de Belém do Grão Pará…

     
  66. Paulo de brito

    01/06/2012 at 12:16 am

    Fico emocionado ao ver estas maravilhosas fotos de nossa Belém do Grão Pará. Lembra-me muito as conversas de meu pai que viveu nessa epoca e no qual retratava suas conversas com meu avo que falava da linda e encantadora Belém antiga. O trabalho de vocês é o maximo de tudo do que se pode imaginar do retorno ao passado. Excelente essas fotos. Seria otimo se conseguissem imagens de TV da Belém dessa epoca. Um grande abraço. Parabens.

     
  67. José Tadeu B. Barbalho

    05/05/2012 at 4:27 pm

    Seria muito interessante se pudessemos ter ao mesmo tempo “o que era e como está”, reunindo duas fotografias, uma na forma original e outra atual. Isso possibilitaria uma avaliação crítica comparativa das linhas originais dos nossos valorosos patrimônios históricos. Um belo trabalho. Parabéns.

     
    • artepapaxibe

      17/05/2012 at 7:28 pm

      Caro José, esta é uma idéia que temos vontade de fazer há tempos, mas ainda não deu. Espero arranjar tempo para fazê-la pois seria um excelente contraste!
      obrigada pela dica!

       
  68. Rita

    12/04/2012 at 3:43 pm

    Parabéns pelo trabalho, sem dúvida é uma excelente fonte de pesquisa meus alunos irão adorar!

     
  69. adilson cordeiro de oliveira

    01/04/2012 at 7:10 pm

    amo o meu estado ,sou apaixonado por belem,pena e toda essa violencia

     
  70. denize

    30/03/2012 at 12:08 am

    nossa adorei!!! quando vejo fotos antigas me minha cidade
    sinto uma profunda saudade, na qual eu não entendo tal saudosismo
    pois é claro não vivi na época.
    Não me canso de olhar essas fotos

     
  71. Telma santana Conceição das Mercês

    27/03/2012 at 10:24 pm

    Para mim, isto foi enriquecedor. Como Belém era linda. Pena que os prédios e casarões antigos não tiveram sua arquitetura preservadas.

     
  72. Vicente de Paula O. Vital

    11/03/2012 at 9:53 pm

    Parabenizo pelo belíssimo trabalho aqui desenvolvido para a preservação à memória dos paraenses. Agradeço por sua dedicação em nos proporcionar essa viagem no tempo, que é um trabalho de altíssima qualidade, de amor e dedicação à cultura paraense. Ah! se todos nós paraenses dedicássemos cinco minutos de seu tempo, para se deleitar com essa volta ao passado. Poderíamos sentir o quanto nossos antepassados eram felizes em aqui viveram. Não sou tão velho, tenho apenas 42 anos, mas, senti uma nostalgia muito grande ao ver todas essas imagens, as quais nunca havia visto em lugar algum. Agradeço novamente, e enfatizo que estou ansioso aguardando para ver as próximas fotos a serem publicadas. Parabéns!

     
  73. rychyelly

    06/03/2012 at 11:19 pm

    as cidades antigas eram bem mais linpa q as de hoje em dia

     
  74. Paulo G. Bandeira Monteiro

    27/01/2012 at 6:45 pm

    O que devo falar sobre esse belíssimo trabalho de fotografias que nos tras recordações, esse cuidado impar com os pontos de Belém que esse(a) ou esses(as) fotógrafos(as) estiveram para registrar lugares que eu nunca imaginaria em conhecê-los se não fosse a dedicação desses ou dessas amantes da fotografia e, derepente me deparo com essas fotos da minha amada cidade de Belém, confesso que estou viajando no tempo e imaginando o tempo sem grades de ferro nas portas ou janelas, quando deixávamos as portas e janelas abertas, pouquicima poluição, dos decalques fora dos carros, dos ônibus a manivelas, do leiteiro que passava na carroça, das palmeiras da 16 de novembro da Praça Amazonas ao Vêr-o Pêso, das pessoas educadas com seus chapéus e guarda-chuva, do bom dia senhora bom dia senhor, quando comprávamos nas tabernas ou merciarias tudo a retalho(era óleo, açúcar, sal, arroz, feijão), que tempo difícil mas, profundamente calmo e sem preocupação, poderia falar, da 4 e 4, farmácia cardoso, pernambucanas, círculo militar, das tertulhas, prefiro só agradecer a você que teve esse fabuloso cuidado na conservação dessas fotos e o prazer em colocá-las na internet para que todos sintam a mesma sensação que estou sentindo, muito obrigado por nos ofertarem esse belíssimo trabalho parabéns.

    Paulo Bandeira – cantor, compositor, percussionista e principalmente de Belém do Grão Pará.

    Paulo Bandeira – 100% JESUS

     
    • artepapaxibe

      14/02/2012 at 4:36 pm

      Obrigada Paulo. Pode ter certeza que sinto a mesma emoção quando vejo estas fotos. Em breve publicarei mais fotos! Abraço!

       
      • Professor Joel Piinho

        09/12/2012 at 10:59 am

        Para um papaxibé que esta longe da terrinha, rever lugares no passado foi como acariciar minhas lembranças. obrigado.
        Professor Joel Pinho

         
  75. Raquel Ferreira

    07/09/2011 at 1:59 am

    muito boa a viagem pelo tempo..curti!

     
  76. thayna

    09/08/2011 at 6:21 pm

    legal a paraenses se vestia assim legal

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.363 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: